Histórico

O Aluno Integrado é parte do Programa Nacional de Formação Continuada em Tecnologia Educacional (Proinfo Integrado). Este programa foi criado pela Portaria nº 522/MEC, de 9 de abril de 1997, com o nome de Programa Nacional de Informática na Educação (ProInfo). Em 2007, por meio do decreto 6300, passou a ser denominado Programa Nacional de Tecnologia Educacional.

O objetivo do Proinfo Integrado é promover o uso pedagógico das Tecnologias de Informação e Comunicação nas redes públicas de educação básica. O programa leva às escolas computadores, recursos digitais e conteúdos educacionais. Em contrapartida, estados, Distrito Federal e municípios devem garantir a estrutura adequada para receber os laboratórios e capacitar os estudantes e professores para uso das máquinas e tecnologias.

O Aluno Integrado tem como tema central educação e tecnologia para um mundo melhor, buscando explorar diferentes perspectivas dentro desse tema em todas as etapas da educação básica.

Em 2009, foi realizado um projeto piloto com a participação de 2.700 alunos indicados pelos coordenadores do Proinfo Integrado e pela União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) em todos os estados. O curso foi um sucesso! Fomentou a discussão sobre as TICs nas escolas, capacitou os estudantes para o uso e gerenciamento dos laboratórios de informática, além de contribuir com uma qualificação para o mercado de trabalho, promovendo a socialização do jovem e a inclusão digital

Em 2010 foram abertas 70.000 vagas em todo Brasil. A UFSC junto com os NTEs é responsável pela formação de 15.000 estudantes dos estados do Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

No ano de 2013 foram abertas 4800 vagas para os estudantes do 1o e 2o ano do ensino médio da rede pública do Estado de Santa Catarina. A UFSC junto com a SEDUC e os NTEs de Santa Catarina foram responsáveis pela formação.

No ano de 2014 foram abertas 2500 vagas para os estudantes do 1o e 2o ano do ensino médio da rede pública do Estado de Santa Catarina, além de professores e técnicos da sala informatizada das escolas contempladas. A UFSC junto com a SEDUC e os NTEs de Santa Catarina foram responsáveis pela formação.

Para o ano de 2015 estão autorizadas 2500 vagas, de igual forma, para estudantes da rede pública, que estejam cursando o primeiro ou segundo ano do ensino médio, bem como professores e técnicos da sala informatizada das escolas que forem contempladas. A UFSC junto com a SEDUC e os NTEs de Santa Catarina serão responsáveis pela formação